Category: Sem categoria

Fisio Roma Online

   |   By  |  0 Comments

Em tempos difíceis, como este que vivemos, queremos dizer-vos que pode continuar a contar com a Fisio Roma!

Para o auxiliar, criámos a Fisio Roma Online. E como sempre, se precisar de nós, basta ligar-nos através dos contactos habituais.

Ao longos dos últimos dias, semanas, temos trabalhado para fazer todas as adaptações necessárias em função das orientações da Direção-Geral da Saúde.

Dicas para preservar uma boa postura

  |   By  |  0 Comments

Em tempos como os que estamos a viver, muitas pessoas são obrigadas a trabalhar a partir de casa. Com isto, o local de trabalho habitual, não só dos adultos, como também das crianças, altera-se. Apesar de estarmos no conforto do lar, esta alteração pode revelar malefícios para a nossa saúde. Muitas vezes, deparamo-nos com alterações posturais e lesões já em adultos e não pensamos que é desde crianças que adquirimos esses vícios e más posturas.

As dores na cervical e no ombro durante a adolescência são consideradas um factor de risco para problemas de saúde na vida adulta. Estudos afirmam que dores na cervical e no ombro são mais comuns em crianças e adolescentes de países desenvolvidos. Em 2019, um estudo efectuado no Irão revelou que 1/3 dos alunos com idade entre os 7-12 anos reporta dor na cervical/ombros.

Existem diversos factores que contribuem para o aparecimento da dor entre os quais características físicas; mobiliário da escola/local de estudo; muita carga de trabalho; dificuldade para ver o quadro ou atitudes posturais.

Os factores responsáveis por dor na cervical são secretárias demasiado altas e inclinação anterior/posterior do assento. A secretária alta demais leva a que os estudantes tenham de elevar o membro superior causando cargas elevadas que resultam em dor/desconforto na cervical ou ombro.

Relativamente à dor no ombro, o factor predominante é a secretária demasiado baixa. A secretária muito baixa provoca uma inclinação anterior do tronco e com isso uma diminuição da carga nas estruturas posteriores (nomeadamente músculos necessários à estabilização), o que leva ao aparecimento de dor.

Devido às posturas mantidas, existe uma redução da ativação dos músculos responsáveis para a estabilização do tronco e ombro, necessários para manterem uma postura erecta, o que leva ao aumento da postura cifótica. Ao não haver essa ativação muscular, a coluna não tem suporte suficiente durante a posição de pé/sentado. Como resultado, a carga da região superior do tronco é transmitida para ligamentos, ossos e articulações dos membros inativos. Esta carga faz com que o comprimento muscular aumente e aumente assim o arco cifótico da coluna dorsal.

A pior posição para fazer os trabalhos é no chão pois a coluna está em flexão por longos períodos de tempo e provoca fraqueza muscular. Tenha por isso atenção à postura que as crianças realizam os trabalhos em casa, e previna a criança de ser um adulto com disfunções musculoesqueléticas.

Existem formas e instrumentos de avaliação objetiva que permitem avaliar este tipo de risco tanto em crianças, como em adultos. Caso deseje que seja feita essa avaliação, não hesite em contactar-nos e será reencaminhado para um dos nossos profissionais especializados!

Neck and shoulder pain among elementar school students: prevalence and its risk factos.

Elham Gheysvandi1, Iman Dianat, Rashid Heidarimoghadam, Leili Tapak, Akram Karimi-Shahanjarini, and Forouzan Rezapur-Shahkolai

BMC Public Health (2019)